divagando


Cosntantemente encontramos em nossos círculos de amigos e conhecidos umas pessoas um tanto quanto incomodadas com algo em suas vidas.

Umas com coisas que acham ser importante para elas e outras que acreditam fielmente que seja importante ao mundo.

Seja algo pequeno ou mesmo um desejo de paz mundial, o mais importante é termos muito respeito a cada uma delas.

Interessante que uns vão a igreja todos os dias e sequer tem uma idéia a mais sobre o que a própria religião já está dizendo. E outras que sequer conseguem aceitar a diferença entre elas próprias.

Das mais trágicas até as que apenas tentam paquerar nas ruas ou mesmo se acham o Cristo Redentor de braços abertos para todos os seus affairs.

Mas além do respeito que temos que ter pela opinião individual de cada um, precisamos parar e ouvir para ver se realmente ali em pequenas frases e pontos e virgulas não tem algo realmente para nós.

Eu mesmo quando saio de um cinema e insistem tirar de mim a minha opinião sobre o filme , não sei dissertar até trazer o que eu acabei de assistir para os meus dias e para a minha própria história. A cada passo que saio do cinema em direção a algo eu me sinto mais dentro do filme que eu acabei de assistir e acabo rediscutindo as minhas próprias coisas.

Por isto todos, sem exceção tem o direito de ter idéias. e que sejam das mais medonhas ou mesmo das mais inteligentes.

Não importa o sentido das coisas se não houver uma vida, uma história que a anteceda.

E histórias todos temos apenas com lacunas diferentes entre as palavras.

Ouça e divulgue por ai o que pensa sobre tudo e todos.